Fimose, e agora????

 
Fimose  
 
Quando a gente tem um menino acha que tudo vai ser mais fácil, aí vêm esses termos que a gente conhece pouco.
 
Então só nós resta saber mais sobre o assunto, foi o que eu fiz. Espero ajudar outras mamães de meninos com a minha pesquisa.
 
 
 
A maior parte dos meninos nasce com a chamada fimose fisiológica é uma pele no prepúcio, grudada à glande, a cabeça do pênis, não a nenhum estudo que comprove ser de origem genética. A fimose fisiológica deve ser motivo de preocupação desde que não provoque a obstrução do fluxo urinário. Já por volta de 1 ano e meio, o prepúcio começa a se abrir, mesmo sem que ocorra a exteriorização da glande, terminando por volta dos 3 anos.

Quando fomos à pediatra, ela nos indicou uma pomadinha e disse que no outro dia durante o banho fizéssemos uma massagem, mas nos orientou a não exagerar, pois a pele esgarçaria e quando cicatrizasse ela ficaria menos elástica estreitando o anel. Ele chegou aos 4 anos e faltava um pedacinho da pele para soltar...aí a pediatra fez uma manobra rápida e pronto estava perfeito.

Já a fimose é diagnosticada quando há uma espécie de anel apertando e extremidade do pipi, o que impede que o prepúcio seja recolhido, neste caso é indicado à cirurgia de circuncisão e o ideal é que esta cirurgia seja feita antes da adolescência
  
 
 
A cirurgia antes da adolescência só é indicada em casos de infecções da pele que cobre o pênis, quando devido a muito esforço a glande sai e não consegue voltar mais à posição ou em casos em que o canal do xixi fica estreito.

Pós-operatório é tranquilo, ás vezes pode doer nos primeiros xixis devido a maior sensibilidade, só utiliza uma pomada para cicatrizar e evitar exercícios ou esportes que possam machucar esta região


 
Maiores informações:
 
 
Abraços +Mãe de Moleque 



Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...