Parabéns pra nós!!




Sempre que ficamos mais velhos vem aquela retrospectiva não é?

Passou um ano, que iniciei este blog. Fazia uns 10 anos que estava longe do computador por doenças nas articulações e estava desatualizada... estava não estou mais, porém ainda em aprendizado rsrsrs

Bom, quando eu tive o moleque sempre senti uma necessidade enorme de escrever coisinhas sobre ele,  seu desenvolvimento e sua educação e para isso fiz um diário escrito à mão mesmo, cheio de detalhes e lembranças.

Mas a minha necessidade de conversar sobre este meu universo era muito maior!

Mesmo porque ninguém da  família e nem os amigos aguentavam mais me ouvir falar sobre este assunto.

Então tinha que escrever e fui escrevendo cada dia mais, até que ganhei um netbook do marido no meu aniversário em dezembro de 2011. Fui me inteirando das novidades na área da informática, fiz vários cursos on-line, aliás todos cursos grátis que achava eu fazia, estudei bastante para concursos públicos e ainda estudo, e aí foi crescendo ainda mais aquela  vontade de fazer algo diferente para falar sobre educação e é lógico do meu filho e sobre meninos. Comecei então a fazer o blog, meio instintivamente, já que estava tanto tempo sem mexer com estas coisinhas de informática rsrsrs

Fiz o blog  e em seguida o Facebook,  um grupo de discussão que não foi para frente, depois o twitter e por último conheci o google mais.

Quando coloquei o nome que eu gostaria no blog e procurei saber se tinha igual, me dei conta do universo existente de mães blogueiras. Tem mãe de guri, de gêmeos, de dois, mãe de tudo quando é jeito rsrsrs

Ai fiquei pensando... são muitas será que ainda vou ter o que falar?

Mesmo assim continuei, pois ainda tinha , ou melhor ainda tenho um montão de coisas para escrever e compartilhar é uma infinidade de assuntos, então aquela máxima que mãe é tudo igual só muda o endereço é verdade!

Sim, mas em partes. Mãe é tudo babona, adora falar da cria, mas cada uma tem uma visão um jeito de ser e de se expressar.

Na realidade não tem certo nem errado tem visões diferentes sobre o mesmo tema e o que sempre pega é a educação dos nossos pimpolhos. No final falamos e enrolamos, mas no fundo o que queremos e ter pessoas que compartilhem do mesmo estilo de maternagem, aliás aprendi esse termo recentemente e é muito utilizado pelas mães blogueiras.

Tem até uma mãe que se auto intitula "mãe de merda", não pode ser que ela realmente ache isso, não é?

Mesmo porque se você concordar com ela, duvido que aceite isso calada.

Penso que lá  no fundo no seu íntimo o que ela quer é se aproximar de mães que acham também como ela que em alguma parte das suas vidas foram  ou se sentiram "mães de merda", que concordem com o que ela diz ,ou até certo ponto que a conforte...prefiro pensar assim.

São poucas que sabem lidar com as críticas já vi muito "quebra pau" em comentários de blog.

Outra coisa que percebi  pelos blogs de Mães ..."Fala o que eu digo e não se meta na meu estilo de maternagem" nossa como tem mãe blogueiras assim!

Uma coisa que aconteceu e não posso deixar de comentar foi um post da +Sam samegui Shiraishi sobre a alta exposição das crianças pela internet e pior por seu próprios pais...como será que eles irão ver esta nossa atitude no futuro? Será que eles vão gostar? Será que irá prejudicar eles de alguma forma?

Revi bastantes coisas que havia feito e percebi que ela tinha razão, procurei não colocar mais fotos pessoais do moleque e o diário dele acho que não vou reproduzir aqui como estava fazendo, falarei de coisas mais genéricas e menos da vida pessoal dele. Mesmo ele ainda sendo pequeno, procuro conversar sobre as coisas que coloco aqui com ele e algumas delas ele já pede para não escrever e tem outras que ele pede para escrever rsrsrs

Qual será o tipo de maternagem correta?

Aquela que se encaixa no seu jeito ser, do seu filho e da sua família... enfim ser Mãe é o seu estilo e de mais ninguém, mas nada te impede de saber mais, ler mais, se informar mais e ir moldando este estilo de mãe que está se formando ou reformando no caso de uma segunda gestação. Acredito que cada filho é único e devemos educá-los como únicos e não a mesma educação para todos os filhos, cada um aprende de um jeito, entende e interpreta diferente então porque a educação deve ser a mesma?

Mas é só uma opinião, já ouvi até uma pessoa insinuar que eu pararia com as minhas indagações se tivesse outro filho então...só emito minha opinião se me pedirem. Mesmo porque não tenho mais filhos...por enquanto um moleque está de bom tamanho.

O meu propósito é um só indicar coisas legais, caminhos que deram certo na educação do meu moleque, compartilhar e provocar reflexão.

Quando comecei a escrever passava dias olhando para ver se alguém comentava e nada. Foi quando comecei a procurar pela internet como ter mais visualizações, acabei conseguindo e não foi para ganhar dinheiro não, mesmo porque não ganho nada escrevendo no blog nem mesmo com as propagandas que estão aqui....zero até agora.

O que me deixa feliz mesmo é quando recebo um comentário, quando vocês dizem se estão gostando ou não.

O que eu preciso ?

É que comentem  horas rsrsrs é meu jeito de fazer novos amigos ou inimigos... sei lá.

Conheço blogueiras que já largaram o emprego e vivem disso...eu também queria viver disso não nego. Poder falar do que gosto e ainda ganhar para isso... seria um sonho, mas por enquanto ainda não rolou.

Agora com 1 ano fico feliz por ter começado este projeto e por já ter feito alguns seguidores e alguns amigos, então meu primeiro progresso como blogueira
foi conquistado!

Obrigado à Deus em primeiro lugar por me orientar nas minhas inquietações de mãe, ao meu marido que me incentiva e é também o meu maior questionador e a minha eterna inspiração meu Moleque!

Amigos de antes do blog principalmente +Lilian Lacerra por me aguentar nas minhas indecisões , @Marlize Caneli, @Ira Caneli pelos comentários e incentivos +Adriana Gorges minha cunhada querida pelas conversas e por ter o carinho de ler alguns dos meus post.

Pela parceria +Va valekids   e @Sem Xixi na Cama

E meus novos amigos do google+

Até mais,
+Mãe de Moleque 
 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.