Avós, respeito e amizade!

 

 
Como seu filho trata os avós? 

A maioria dos avós hoje em dia são mais ativos na educação dos netos, pois enquanto os pais trabalham são eles que educam os filhos dos filhos.

Alguns meses atrás conversava com uma vozinha no ponto de ônibus, ela estava brava e estressada, cansada mesmo. Reclamava que a filha decide ter filho e quem acaba cuidando é ela e assim ela acaba sendo mãe e não avó, só que uma mãe de 69 anos sem o mesmo vigor e entusiasmo que tinha quando educou seus filhos...e complementou eles, os netos, não me respeitam, mas também eu faço tudo o que eles querem!!!

Se perguntarem para a avó do moleque, minha mãe, se ela queria ter ficado com o meu filho para eu retornasse ao trabalho, com certeza ela diria que sim e mesmo mostrando que ser só avó é muito melhor.

A minha ideia de vó é o que foi a minha avó foi pra mim, eu ia visitá-la aos finais de semana, sentia saudade da sua comidinha deliciosa, do jeito de falar e não pedia benção para ver o que acontecia rsrsr e era assim que eu queria que a minha mãe fosse, uma doce lembrança...uma mãe com açúcar.

Mantendo meu filho em casa comigo e não com avó consegui transmitir todos os valores e o valor que ele tem que dar para os avós.

Sim, ele pede benção!

 Sim, ele adora a comida da vó e quando está doente só come a comida dela que ainda vem na boca e de aviãozinho rsrsrs e ele já está com quase 6 anos.

Sim, ela senta no chão para brincar e contar suas histórias e nas férias escolares ela fica com ele uma semana só para ela, como gosta de falar.

 Ele respeita demais os dois e ainda me ajuda a cuidar do avô que é Parkinsoniano. Quando vamos na Associação Brasil Parkinson, ele vai lá com o vô desde os 3 anos, os outros vôzinhos ficavam encantados com ele, sempre que o despertador do celular tocava lá ia ele todo contente segurando o remédio do vô com um copo de água e dizia assim: "Toma tudo direitinho em vô"

 Através da doença do vô que consegui passar a ele o conceito de cidadania, respeito ao coletivo e aos direitos, a prestar atenção onde estão as placas de deficiente, idoso, gestante e tudo mais.

 Esta semana estávamos indo para a casa dos avós de ônibus e sentei de propósito no banco amarelo onde tinha as indicações de quem poderia sentar lá para ver se ele lembrava...ele olhou a placa, olhou ao redor...Mãe não tem ninguém assim aqui então podemos ficar...mas se um deles chegar vamos levantar bem rápido para não atrapalhar né?

Own que orgulho do meu moleque!

Respeitar e ensinar seus filhos a respeitarem os avós e os mais velhos e ensinar a respeitar seu próprio futuro, ou vocês acham que seremos jovens para sempre?

 Pelo seu exemplo, pelas suas atitudes que seus filhos se inspiram e com certeza vão te amparar na velhice não por obrigação, já que existem leis que vão os obrigar a isso...mas por amor!!!!

 Ensine seus filhos a tratarem os avós com respeito e amizade!
 
 

+Mãe de Moleque

Maiores informações e ajuda para os parkinsonianos em todo Brasil
http://www.parkinson.org.br/explorer/index.html
 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.