Outras mães, outros moleques...


Convidei mais uma querida, mãe do príncipe lindo o Joseph, para falar pra gente como é a experiência...como é para ela ser mãe de moleque...
  

O que é ser Mãe de Moleque?

Desde de que recebi o convite da querida Elaine, tenho pensado neste tema. Fico olhando a minha vida hoje e o quanto ela mudou depois da chegada do meu moleque...

Há 4 anos sou mãe de menino... digo 4 anos apesar do Joseph não ter completado, pois, desde o momento do descobrimento que seria um menino, minha vida mudou completamente. Quem me conhece sabe que meu desejo sempre foi ser mãe de menino... não sei o porque, mas era meu desejo.

Como menina... mulher... meu mundo era cor de rosa. Não fui dessas meninas molecas sabe? Não fui bem ao estilo menininha, de lacinho dos cabelos... e amava brincar de bonecas. Ao descobrir que estava grávida de um menininho... meu mundo ficou azul, e olha que essa nem era minha cor preferida kkk

E desde então, tudo pra mim é novidade e encantamento. Porque tudo é diferente. Desde as roupinhas, decorações, estilos... com menino, tudo é diferente, mesmo!

Percebo que meu menino... ops, moleque é levado... teimoso, arisco, suas brincadeiras favoritas são as mais arriscadas... ele pula de coisas, escala móveis e tudo o que tiver pela frente. Minha sala fica revirada, pois ele tira as almofadas dos dois sofás pra brincar com obstáculos. Ele não é muito de carrinho e bola... simplesmente não liga, o negócio dele é música, de tudo e de todos ele tira um som... 

E suas invenções?

Afff... tenho que aprender! E jogar da maneira certa! Tem horas que falo chama o papai... e ele não quer o papai... quer a mamãe, está é outra característica de moleque. Agarrado na mãe... pra tudo, por tudo. A palavra mais falada por meu moleque é mãe! Mãe pra tudo e continua chamando até eu responder ou ir fazer o que ele quer... fica assim: mãe... mamãeeee, mãeeee, oh mãeee.

Meu moleque é bem ogro sabe... Muitos amigos querem falar, mexer com ele e ele logo lança o olhar... e fecha a cara, isto desde de novinho. A mamãe aqui não sabe onde enfiar a cara... mas o moleque tem personalidade forte e só dá confiança pra quem conhece. De todo ele está certo, não é?

Agora o carinho, cuidado com a mamãe aqui... ah me enche de amor e orgulho. Quantos elogios recebo... e assim sem ao menos esperar ele vem e diz: Mamãe tá bonita! E isso quando não chama o papai e diz: Olha papai... Mamãe tá bonita! Kkk ah que amor!!!

E como não amar ser mãe desse moleque se chama Joseph. Que vira e revira minha vida, meus conceitos... Que cada dia escolhe ser o herói que quiser... inventa, cisma, teima. Que me apaixono todos os dias e momentos... que morro de amor a cada conquista e cada olhar.

Tecnologia do Blogger.