Excessos e restrições alimentares na infância

Oi gente , hj a Nossa Nutri Ale, traz um tema muito importante sobre alimentação das crianças por hora em excesso e por outras em demasia.



Olá pessoal,  

Achei interessante abordarmos estes temas já que se fala tanto em alimentação saudável, estilo de vida, hábitos alimentares.

Devemos sempre estar atentos a aquelas crianças que tem hábitos de comer somente alimentos não saudáveis como frituras, alimentos industrializados, refrigerantes. Estes hábitos causarão no futuro uma criança com menos saúde, susceptíveis às doenças e na fase adulta um adulto doente e sedentário. 

Ensinar as crianças a se alimentarem corretamente depende única e exclusivamente dos pais, pois eles são o espelho da criança, se a família não consome a criança não vai aprender nunca a gostar de certos alimentos já que não fazem parte de sua rotina. 

Os alimentos industrializados, doces, massas, frituras são alimentos de calorias vazias, ou seja, não trazem nenhum benefício a saúde, trazem sim cada vez mais crianças obesas, com colesterol elevado e aumento na incidência de diabetes mellitus. São as chamadas crianças fast-food pois é isto que estão se tornando. Pais ocupados, sem tempo para preparar uma alimentação natural onde a família se reúne e conversa em volta da mesa. 

Cada vez mais cresce também a incidência de obesidade mórbida e a dificuldade em se perder peso.
Em contrapartida devemos nos atentar também aos nossos filhos quando estiverem na fase da adolescência, pois vemos casos de jovens com anorexia, onde eles acham que se comerem alface e água estarão engordando, causando transtornos psicológicos graves, chegando até a atitudes extremas.
 

Devemos, portanto, estar atentos tanto aos excessos quanto as restrições, visto que um e outro são um problema para a família e que pode causar danos irreversíveis. 
Incentivar demais a magreza ou a forma perfeita é um modo de contribuir para que esta doença cresça. Conhecer nossos filhos e orientá-los é a forma mais fácil de se chegar em um meio termo e não ter problemas no futuro. 

Um grande abraço e até a próxima!!

Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Adorei o post .. Não é que eu comia ruim antes de ter o Gui, mais confesso que melhorei e muito por causa dele, justamente para dar o exemplo, não digo que somos a perfeição na alimentação, pois temos o dia do fast-food, da tranqueira, mais a maioria são alimentos saudáveis,o Gui ama comer muita salada, frutas, legumes ...

    Bjs Mi Gobbato
    http://espacodasmamaes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sempre fui comilona rsrs de tranqueira e coisa saudável rsrs. Mas depois que o moleque nasceu tbe mudei muito.
      Bjs

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...