Como ensinar determinação...

Olá Pessoal,

Pois é desde que me  tornei tia e depois mãe, tenho pensado muito sobre isso.

Como ensinar determinação?

Determinação significa ato de permanecer firme num objetivo

Alguns dizem que determinação não se ensina é uma parte das características de uma pessoa. Ai me preocupei mais ainda...

O que tenho visto hj são crianças e jovens pouco determinados, incluindo o meu filho e por isso comecei a me indagar...como eu posso ajudá-lo?

Lembro quando criança, fosse pela dificuldade em se ter algo parecia que éramos mais determinados.

Quando queríamos um brinquedo, a gente queria de todo o coração e insistia até conseguir e não era de um dia para outro não, eram meses...anos até.

Hoje em dia as crianças tem tudo o que querem e o que não querem e não precisam se esforçar ou lutar por isso, dai a determinação acaba ficando em segundo plano.
Imagem Google


Vendo uma matéria, bem legal sobre o assunto na Revista Educar para Crescer, assisti na integra a palestra da psicóloga  Angela Lee e penso exatamente assim, quem não tem determinação não chega ao fim de nada. Ela disse  "Existem muitos indivíduos talentosos que simplesmente não vão até o fim com seus compromissos".

Não sei se é meu lado sagitariano de ser, não consigo conceber algo que comece e que eu não consiga terminar, pra mim sem foco não tem realização.

Mas como ensinar isso para as crianças...a duvida me persegue ainda!!!

Perguntei para meu filho, qual era o seu maior sonho. Esperava uma resposta simples, tipo ter alguma coisa sei lá.

Mas não foi, para a minha tristeza ele disse não ter sonho. Como Assim???

Meu Deus meu filho não almeja nada, não quer nada então consequentemente não vai chegar a lugar nenhum.

Confesso tenho um medo danado disso, acho que toda família tem uma pessoa que não vai pra frente pelo menos na família dos meus pais tem...e definitivamente não é isso que desejo pra ele.

E depois desta pergunta com essa resposta...comecei a pesquisar como eu posso ensinar ele a ser determinado, a ter projetos e sonhos?

Quando falei com o meu marido sobre a s minhas inquietações ele me disse:

Relaxa, acho que ainda é cedo para ele pensar sobre isso!

Mas eu sou mãe e estas coisas mexem comigo demais, quem não sonha um futuro melhor para o filho não é?

Ai lendo a reportagem e fui me acalmando...enfim determinação se aprende.... UEBA!!!!

Tudo que se aprende, pode ser ensinado então lá vamos nós...aos primeiros passos.
Imagem google


  •  Ensinar a sonhar, desejar algo de todo o coração.

Pensei no que ele mais gosta de fazer ...e é ajudar, ensinar. Vou por este caminho para ajudar ele a conquistar o seu "Sonho próprio" rsrrs sim preciso incentivar ele a ter algo e motivo para querer aquilo. Não vai ser fácil, mas sou determinada e como sempre digo, ele é o meu projeto e eu sou determinada, vamos conseguir certo!

  •  Incentivar um projeto criativo

Isso ele tem... projetos, muitos desde os mais engraçados até os mais loucos. Só preciso ver o que realmente é viável e apoiar a realização dele.

Logo no pré a professora já sentiu que mesmo sendo muito inteligente ele não é muito proativo, então outro meio de se ter uma criança determinada...

  • Não resolver todos os problemas para ele.
Tenho uma falha enorme sobre isso. Principalmente no que se refere a escola...sempre acabo tomando partido e saindo logo para resolver e descobri que isso não é bom... ele mesmo tem que resolver suas pendengas escolares, mesmo me dizendo que tentou e não foi ouvido (a maioria das vezes é assim) vou me controlar e não vou mais intervir a não ser em casos extremamente necessários.

Apesar da pouco idade ele é uma criança comprometida, com as suas coisas. Faz sua lição de casa sem eu mandar e outras coisas na sua rotina de afazeres, mas estamos travando uma batalha agora aos 7 anos...tudo que antes era fácil ele ia fazer todo animado, agora é uma batalha...mas como dizem isso é fase e vamos passar com fé em Deus #oremos

O que faz ele fazer tudo que eu peço ultimamente gira em torno dos minutos em que ele poderá ficar jogando no Tablet isso sim é um inferno =(

Quando pensei em dar o tablet, pensei em  aplicativos para ele aprender...mas ai começou a ver os jogos e nenhum aplicativo de aprender é melhor que qualquer jogo. Então se não é para agregar em algum aprendizado, sou dura e já corto logo. Resultado esta sem jogar.

  • Ensinar a ser mais comprometido sem ser por trocas 
Tipo se fizer isso não tem aquilo. Na teoria é fácil, mas na pratica não é brinquedo não =/
Ai sinceramente estou travada o negócio não esta fácil tudo que ele tem de bonzinho, multiplica em teimosia.

  • Ensinar a não ter medo de errar
Não sei como ajudar sobre isso, pq sinto que ele fica bravo qdo erra no jogo de vídeo game por exemplo, mas não fica bravo quando tira 8 em uma prova e vê que errou por distração e não foi por não dominar o assunto...então o que acham?  Eu não sei, mas acho que não tem medo de errar.

A professora do pré disse que sim, que ele tem muito medo de errar e prefere não tentar =/, ele esta no segundo ano do fundamental...mas só a professora do pré parou para me ouvir e ajudar ele nestas questões.

Sabe uma criança brincando com outra e esta outra que  vem e tira o que ela esta brincando, ai começam a brigar?

Pois é ele nunca reagiu a isso quando era bebezinho, ele simplesmente trocava de brinquedo e pronto.

O pai ficava maluco e dizia ele tem que reagir, mas  o estranho que com o primo sempre brigou e chorava pelas coisas com as outras crianças não...ai vai saber o que pensava. Agora no segundo ano já não deixa...muito rsrsrs pq a maioria das vezes nem liga, fica bravo mesmo qdo quebram.
  • Cobrar na medida certa
Eu cobro demais e o pai dele também, então nossa alternativa e policiar um ao outro para que possamos cobrar na medida certa e de um jeito mais produtivo.

E vocês tem algum dilema na educação dos filhos?

Se for determinação e sonhos #tamojuntas vamos trocar figurinhas?

Escrevam como estão lidando com esta situação, além de me ajudar, ajudaram outras mães a refletir sobre o tema.

Bjs
+Mãe de Moleque





 

8 comentários:

  1. Amiga me vi nesse post na parte de quando alguém tira o brinquedo dele ele chora e com a prima (no meu caso) ele briga, toma da mão dela e fala que tá brincando,nisso em algumas vezes principalmente quando é com "desconhecido" eu me intrometo (ainda pois ele só tem 5 anos ou ainda não sei rs) e falo que não pode ser assim, que ele tem que emprestar sim mais não pode deixar ninguém tomar nada dele e ele tbm não pode tomar tem que pedir e se acabou de pegar para brincar falar para a outra criança que daqui a pouco ele empresta ai trocam o brinquedo (está melhorando mais ainda está devagar nessa melhora).
    Na questão do vídeo game ele fica bravo, chora as vezes nem quer mais jogar quando perde para alguém, isso é algo que estamos trabalhando também, quando era menor deixavamos ele ganhar mais vezes (sabe aquela coisa de mãe/pai é criança não entende, mais uro engano né eles entendem sim da forma dele mais entende) então agora estamos sendo mais "duro" e jogando de verdade ai se ganhar ganhou senão vai tentar novamente pois é errando/perdendo que vai conseguir.
    Na questão de querer algo e ensinar a conseguir, fizemos isso com ele no final do ano, ele encasquetou que queria ganhar Furby (bicho chato e muito caro custa 400,00) e falamos que não iamos dar pq é caro, logo ele ia enjoar e blabla e nada de mudar de idéia, ai o que fizemos você quer bem então você vai juntar para comprar, ai me pergunta ele jpa ganha mesada? não ! não ganha, então como juntar? ai que está sempre que temos de troco moedas seja de 0,5 a 1,00 damos para ele colocar no cofre, (nós pais, avô,tios, padrinhos) ai falei que ele só ia ter o brinquedo quando juntasse o valor, e depois disso, ele não pega nem 0,05 para comprar uma bala se quer ai entrou em promoção (400,00 por 300,00) e como tinha tempo determinado e ele faltava 100,00 para completar ai completamos (pois ele tbm já tinha ganhado dinheiro no aniversário ai ficou mais fácil) e ele comprou, e fazemos isso com outras coisas mais besteirinhas que ele quer, junta e compra pois é muito fácil pedir e ganhar, e olha vou dizer que funciona, pois quando ele realmente quer mesmo que seja um carrinho de 5,00 e não é aniversário, natal ou da das crianças ele sabe que pode pegar do próprio dinheiro para ter aquilo.

    Bjs Mi Gobbato
    http://espacodasmamaes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mi o Gui me parece bem determinado está indo pelo caminho certo.
      Pergunta pra ele quais ou qual é o seu sonho e depois me diz.
      Bj

      Excluir
  2. Nossa, em vi no seu post, Elaine! Por aqui a pequena também está no segundo ano, agora em maio ela completa 7 e o que reina por aqui é a preguiça. Ela tem muita vontade de fazer as coisas, porém a preguiça simplesmente a faz deixar o que é difícil e trabalhoso pra lá.
    Outra coisa que sinto muito forte nela e que a atrapalha é a distração. Ela se distrai muito fácil, durante a lição de casa, por exemplo, eu tenho que "chamá-la de volta" várias vezes e a professora disse que na sala é bem assim também. Isso me preocupa e muito.
    Essa semana vai ser a primeira semana de provas dela, já que nos anos anteriores ela somente fazia atividades, mas nunca tinha sido avaliada assim, abertamente (risos) e ela estava em pânico. Conversei muito com ela e expliquei a função real da prova, e ela se acalmou mais. Quanto a video game a Lara não gosta muito e apesar de ter tablet ela joga pouquíssimo nele, porém como muitas crianças ela não sabe lidar com o "perder" e muitas vezes fica brava ou desiste de jogar, seja carta ou jogo de tabuleiro pois está perdendo muito, eu sempre tento conversar, ensinar e explicar que nem sempre ganhamos, mas as vezes não tem jeito, ela faz tromba e não há quem tire rs
    Gostei muito das dicas, nunca havia pensado em perguntar isso pra Lara, sobre qual é o maior sonho dela, vou questioná-la e depois te falo.

    ResponderExcluir
  3. Pergunta sim, depois me fala.
    Eles têm quase a mesma idade será um bom parâmetro pra mim.
    Bjks

    ResponderExcluir
  4. Adorei seu post.
    Precisando começar a repensar sobre isso. Me pego sempre me questionando como educar e fazer o melhor sem mimar.
    E com isso é que tenho que mudar. Aqui ele adora um jogo, e quando não se comporta ou não faz algo legal logo fica de castigo por tempo indeterminado.
    E quando joga se perde logo vem o chororo, e muitas vezes deixamos ele ganhar, mas já tinhamos conversado que ele precisa entender que se perder e só tentar até conseguir,
    Quanto a determinação por algo, quando quer algo não desiste, insiste e fala mil vezes. E como quer um video game novo, esta juntando as moedas que damos até o final do ano vamos ver quanto ele conseguiu juntar, ensinar o valor desde cedo acho importante.
    Quanto ao sonho, ele só pensa em ganhar bonecos super heróis, rsrs. Perguntei agora mesmo.
    Bjs
    Vivi e Isaac

    ResponderExcluir
  5. Que legal, pelo menos o Isaac é determinado né?
    Mas é bom mesmo desenvolver nos filhos a habilidade de se lutar pelo que almeja espero que o meu moleque consiga isso em muito breve, aqui por enquanto não tem nada que precise diz ter tudo...quanto ao sonho tratou logo de pensar em um...diz que vai ser um médico bombeiro e salvar vidas...bom pelo menos já tem algo para pensar né rsrsrs
    Bjs obrigada pela visita

    ResponderExcluir
  6. Claudia Dutra Ellero11 de março de 2015 08:18

    O Meu parece ter os mesmos "problemas " , somente é determinado com coisas de seu interesse , um assunto do qual queira dominar , ler , etc . Mas não sinto muito isso em relação à escola e seu futuro . Ele ama música , mas não treina , o mesmo com o futebol , quer jogar bem ,mas não se empenha nos exercícios de drible e tal .Também me deixa bastante chateada , mas vejo que isso não é só um fator dos nossos filhos não , vejo uma apatia generalizada das crianças de hoje .Realmente eu sempre fui muito determinada em tudo o que eu queria , até hoje , sou de escorpião ... rsrsrs Ele é muito responsável na escola , muito inteligente , mas também erra nas provas por pura distração e sabe me apontar o erro de cara ! Agora pergunte a cor da blusa da professora , os pássaros que ele viu no recreio , o menino que falou um palavrão , um bichinho que voou ..... ai , ai . ele está com 8 anos e na 4° série , o colégio também não aproveita muito as crianças hoje em dia , vomitam uma porção de assuntos , mas não ensinam com o lúdico . Sei lá , não sei se estou no caminho certo também , estou dando um tempo e ver se as coisas se transformam com o tempo . Acho que ficamos muito em cima deles , coisa que realmente não acontecia antigamente , resolvemos muitas coisas para eles , quando era pequena não tinha disso , não . Será que não é por aí , não sei .... beijocas Claudia Ellero

    ResponderExcluir
  7. Ai Clau ainda bem que não estou sozinha achei que estava vendo pelo em ovos, parece que vai mas não vai...tenho receio de como isso vai ficar na adolescência...mas sei tbe que muitas coisas vem com a maturidade. O difícil disso é esperar por mudanças...por que plantar tenho certeza que eu e vc plantamos né rsrsrs.
    Bjs
    Obrigada por compartilhar seus pensamentos também <3

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.